Como potencializar o treinamento com video based learning

Particularidades dos vídeos que deixam o e-Learning muito mais eficaz e convidativo

Talvez pela facilidade para a compreensão da informação que esse tipo de mídia proporciona à audiência ou pelo formato menos cansativo e mais envolvente da combinação de imagem, som, roteiro e outros efeitos, o consumo mundial de vídeos tem aumentado com muita velocidade.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

4 dicas de como usar visual thinking no e-Learning

Exemplos de alguns dos melhores elementos visuais para o ensino corporativo

Na semana passada, divulgamos um post para apresentar as vantagens do visual thinking – técnica bastante interessante que conecta ideias e conceitos complexos a elementos visuais como imagens, ícones, infográficos, mapas, diagramas, entre outras artes gráficas, facilitando a compreensão dos conteúdos e o processo de retenção do conhecimento.

Hoje vamos apresentar exemplos de como e quando utilizar alguns dos melhores elementos visuais para o ensino corporativo. Boa leitura!




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

e-Learning para treinar o varejo

Soluções de e-Learning podem beneficiar o setor até mesmo em tempos difíceis 

De acordo com o mais recente boletim do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), janeiro de 2016, o varejo restrito apontou queda real de -7,8%, atingindo o segundo pior resultado da série histórica na comparação anual. Cenário delicado, influenciado pelo momento de instabilidade que vive o Brasil e consequente insegurança do consumidor. 



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

3 benefícios do visual thinking no e-Learning

Elementos visuais são excelentes ferramentas de aprendizado e retenção do conhecimento

O visual thinking conecta ideias e conceitos complexos a elementos visuais como imagens, ícones, infográficos, mapas, diagramas, entre outras artes gráficas. Além de ser extremamente útil para os profissionais de Treinamento e Desenvolvimento, que por meio dos elementos visuais conseguem criar significado para o conteúdo transmitido aos colaboradores, a técnica também pode ser usada pelos próprios learners



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Aposte no uso do LMS para personalizar o e-Learning

Imagine uma empresa com diferentes divisões: há treinamentos comuns a todos os colaboradores, mas existem também conteúdos direcionados para cada funcionário, de acordo com seu campo de atuação e atividades realizadas

Fortalecer a estrutura da educação continuada envolve uma série de estratégias: envolvimento de todos os participantes e stakeholders, desenvolvimento de alianças, investimento no time de Treinamento e Desenvolvimento (T&D) e em soluções tecnológicas, levantamento de necessidades da empresa e dos colaboradores, seleção de conteúdos e formas de comunicação, entre outras. 



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Augusto Gaspar ministra palestra no Fórum Educação Corporativa a Distância 2015

Fórum abordou os conceitos e práticas inteligentes de educação corporativa apoiada em tecnologia

Ontem, 1º de outubro, Augusto Gaspar, diretor de soluções consultivas da MicroPower, participou do Fórum Educação Corporativa a Distância 2015, organizado pela revista T&D Inteligência Corporativa.

Na palestra “Melhores Práticas e tendências em e-Learning”, Augusto Gaspar explorou informações sobre melhores práticas de gestão, distribuição e execução do treinamento online com os exemplos práticos das empresas vencedoras do Prêmio Learning & Performance Brasil.




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Treinamentos para a geração Y

Informações que o profissional de treinamento deve ter em mente ao elaborar cursos para jovens talentos

Os jovens talentos ou profissionais da geração Y (nascidos após 1980) estão mais do que acostumados com as novas tecnologias. Eles praticamente nasceram nesse ambiente high tech. A primeira palavra que disseram provavelmente nem foi papai ou mamãe, mas sim Wi-Fi

Brincadeiras à parte, essa geração acostumada a mexer com gadgets (dispositivos eletrônicos portáteis), blogs, vídeos, redes sociais e games, chega ao mercado de trabalho sem receio dos desafios; considerando suas atividades como verdadeiras fontes de satisfação e aprendizado. 




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

e-Saúde: as vantagens de treinamentos online

Confira os benefícios do uso de e-Learning para a capacitação de profissionais da área da saúde

A indústria da saúde evolui muito rapidamente e os colaboradores dessa área precisam se manter atualizados. Mas como participar de todos os treinamentos se os horários desses profissionais são tão malucos e as agendas, no geral, abarrotadas de compromissos? 



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

e-Learning: fisgue o participante pela história

Comece a pensar como um contador de histórias e poupe seus colaboradores de passarem por treinamentos maçantes

Quem não gosta de uma boa história? Perdemos a noção do tempo lendo as páginas escritas por nossos autores favoritos, “engatamos” um episódio seguido de outro de uma série fantástica ou, ainda, enfrentamos uma fila gigantesca só para ver a estreia de um filme. Seja comédia, seja suspense, boas histórias envolvem e nos prendem, pois fazemos uma relação imediata com nossas vivências e emoções. É assim com qualquer ser humano, em qualquer circunstância. Então por que seria diferente em um treinamento?



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

e-Learning: elimine o blá blá blá

Técnicas para reduzir o discurso prolixo em treinamentos online

Quem nunca leu um texto imenso, olhou para o material e resumiu tudo em duas frases básicas ou, pior, dormiu? Basear-se em um discurso prolixo para produzir seu material de treinamento online, o famoso “encher linguiça”, é um dos piores inimigos do e-Learning. Isso só dificulta a análise e faz com que o leitor perca o foco. 



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter