Gestão estratégica do capital humano

Organizações que investem em capital humano conseguem reter colaboradores e reduzir os custos de recrutamento e seleção. Elas ainda contam com mão de obra atualizada sobre o que há de mais eficiente e inovador no mercado

“Pelo menos sete milhões de empregos podem ser perdidos nos próximos cinco anos pelas transformações que a economia mundial sofrerá, e que o Fórum Econômico Mundial chamou de ‘quarta revolução industrial’”, aponta reportagem do portal Exame.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Project Based Learning

Invista em diferentes metodologias de aprendizagem: o Project Based Learning (PBL) possibilita aos colaboradores a oportunidade de expandir conhecimentos e desenvolver novas competências por meio da resolução de desafios reais

Há diferentes metodologias de aprendizagem utilizadas pelas empresas para alavancar o desempenho da equipe e aprimorar os negócios. Elas podem ser usadas em diferentes momentos, dependendo da finalidade do grupo e funcionam muito bem quando combinadas.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Programas de educação para vencer a crise

Educação: poderoso fator de diferenciação para profissionais e empresas

Não somente, mas especialmente em tempos de instabilidade econômica, a educação demonstra ser um poderoso fator de diferenciação para profissionais e empresas. Os profissionais devem buscar novos conhecimentos e qualificação para conseguirem destaque em meio a tantos concorrentes, enquanto as empresas têm uma grande responsabilidade em mãos: investir em capital humano – e assim aprimorar processos, serviços e produtos.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Por que investir em treinamento de liderança?

Um bom (ou mau) gestor afeta a performance de sua equipe, o que inevitavelmente é refletido nos resultados da organização

As organizações que investem em treinamentos e capacitações de liderança conseguem reter colaboradores e reduzir os custos de recrutamento e seleção. Isso porque o líder é responsável por engajar outros profissionais do time, ouvi-los e saber administrar os interesses e as potencialidades de cada um em favor do negócio.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Como o e-Learning pode ajudar a construir poderosas comunidades de aprendizado

Indivíduos de comunidades de aprendizado compartilham valores e não há uma maneira melhor para promover o aprendizado em uma organização do que trabalhar o fortalecimento dessas comunidades

As comunidades do aprendizado ou conhecimento funcionam como uma rede voltada à alta performance das organizações. Conforme destacamos no post Comunidades do Aprendizado, elas proporcionam o intercâmbio de informações e ajudam no processo de retenção de conhecimento e aplicação efetiva no negócio, pois viabilizam a comunicação entre as pessoas, ou seja, a troca de ideias, conceitos e conhecimentos em tempo real.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

e-Learning: conheça o perfil do novo usuário

As características do novo time de colaboradores que devemos considerar ao criar nossos cursos e-Learning

Com as novas gerações ingressando cheias de energia, novas competências e habilidades no mercado de trabalho, especialmente, no que diz respeito à tecnologia e inovação, temos um cenário de aprendizado em constante revolução, ou melhor, evolução.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Jogos instrucionais: inovação para seus treinamentos

Ao utilizar jogos e simulações como parte de sua estratégia educacional, a empresa investe em métodos muito mais prazerosos e engajadores para seus colaboradores atingirem metas e objetivos

Os jogos instrucionais propõem às pessoas a emoção do desafio, do conflito, da busca por novos caminhos para solucionar questões. As etapas e metas fazem com que elas experimentem uma nova maneira de aprender, explorando o sistema a fim de vencê-lo. 



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Como implementar o Blended Learning

Para uma implementação de excelência, realize planejamento detalhado, combine algumas das melhores práticas de aprendizagem e fique atento às ferramentas de suporte

O Blended Learning ou aprendizado híbrido designa a forma de aprendizado em que os cursos são ministrados por meio da fusão de ensino a distância e presencial. Ele só foi possível graças ao avanço das tecnologias digitais de informação e comunicação, que proporcionaram a colaboradores e instrutores, entre outras vantagens, mais flexibilidade e autonomia. 

Para implementá-lo em sua organização, você deve pensar em fazer um bom planejamento, combinar algumas das melhores práticas de aprendizagem e ficar atento às ferramentas de suporte ao aprendizado e desempenho. Confira algumas dicas que selecionamos para ajudá-lo nessa missão!




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Social learning: estimule a troca de conhecimento

A aprendizagem social já está acontecendo em todos os níveis de sua organização, por isso, não perca tempo e dê suporte para que o compartilhamento do conhecimento

Já está mais do que provado que o aprendizado não acontece apenas dentro da sala de aula, mas também durante as atividades rotineiras e práticas, em contatos virtuais ou até durante a pausa para o cafezinho. 

Ideias brilhantes podem ficar ainda melhores quando uma segunda, uma terceira ou uma quarta mente criativa unem-se para trabalhar em parceria. Nós gostamos de compartilhar conhecimentos e experiências. Prova disso é a popularidade das mídias sociais. Estamos interessados em compartilhar tudo aquilo que fazemos/sabemos e também em aprender/conhecer o que é diferente e vem do outro. 




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter