Cultura de Alta Performance – Parte 3: Objetivos Organizacionais bem definidos


Para atingir elevados níveis de desempenho organizacional e humano, e assim apresentar o que chamamos de Cultura de Alta Performance, uma empresa precisa estar atenta a sete pontos fundamentais:

1) Liderança
2) Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional
3) Objetivos bem definidos 
4) Métricas e Indicadores bem definidos
5) Execução
6) Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho
7) Meritocracia

Neste artigo abordaremos o terceiro deles, os Objetivos bem definidos.

Nenhuma organização pode pretender alcançar um estado de Alta Performance sem que todos os colaboradores saibam exatamente o que se espera deles. Isto implica em que existam meios de compartilhar a Visão e as Estratégias da organização com todos, independente de nível hierárquico ou função.

Não importa a metodologia utilizada: BSC, Gestão por Diretrizes ou outra qualquer, o importante é assegurar que ocorra o desdobramento dos Objetivos Organizacionais pela estrutura até atingir as equipes e indivíduos que têm como suas responsabilidades a sua execução. Estes objetivos organizacionais originam-se nas Estratégias, produzindo assim, alinhamento e vínculos estreitos entre a Cultura Organizacional, Valores e a estratégia de negócios, possibilitando a execução com eficácia dos processos que produzem valor e resultados para a organização. 

Mais uma vez faz-se importante a ação da liderança no sentido de, ao definir os objetivos das equipes e dos indivíduos, atribuí-los aos responsáveis por sua execução com um processo de comunicação clara e eficiente, que garanta a compreensão de todos, para que cada um saiba exatamente o que se espera de seu trabalho. Além disso, deve ser possível não só à alta administração, mas também a cada um dos colaboradores acompanhar a execução de seus próprios objetivos e daqueles relacionados ao seu trabalho. Assim, eventuais desvios em relação ao planejado serão mais rapidamente identificados e seu impacto no desempenho global será minimizado.

Na próxima semana publicaremos o quarto artigo: Métricas e Indicadores bem definidos

 Augusto Gaspar
Diretor de Soluções Consultivas
Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter
Loading