Cultura de Alta Performance – Parte 5: Execução


Para atingir elevados níveis de desempenho organizacional e humano, e assim apresentar o que chamamos de Cultura de Alta Performance, uma empresa precisa estar atenta a sete pontos fundamentais:

1) Liderança
2) Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional
3) Objetivos bem definidos 
4) Métricas e Indicadores bem definidos
5) Execução
6) Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho
7) Meritocracia

Neste artigo abordaremos o quinto deles, a Execução.

Uma importante etapa rumo à alta performance é o constante acompanhamento da execução do planejamento, isto é, como as estratégias estão sendo executadas por meio dos processos de negócio, identificando como as decisões são tomadas e atividades são realizadas. 

A gestão da execução consiste em acompanhar, verificar e controlar o andamento das ações planejadas e tomar as medidas de correção que forem necessárias, buscando assegurar que aconteça o que foi planejado em todos os níveis da organização. Se pensarmos a organização como um conjunto de prestadores de serviços para os clientes internos e externos, fica mais fácil segmentar e montar um modelo de entrega de serviços para cada área, e assim, trabalhar em pontos de melhoria em processos, sistemas e na capacitação das pessoas.

Trata-se de um processo constante, como o conhecido ciclo PDCA (Plan – Do - Check – Act), onde o que foi planejado é executado, acompanhado e verificado para que se tomem ações sobre o novo planejamento, buscando a melhoria do processo. Em organizações complexas, a gestão da execução é parte da gestão de projetos, e quanto maior a quantidade de atividades que ocorrem em paralelo, maior o desafio de manter a execução de todas as atividades alinhada às estratégias globais. Uma boa solução é utilizar um suporte tecnológico para desdobrar os objetivos organizacionais desde o nível estratégico até o operacional, realizando o acompanhamento das metas, planos de ação e atividades relacionadas à execução de cada estratégia e seus objetivos associados. 

A Gestão da Execução, quando realizada de forma adequada e em conjunto com os demais pontos da Cultura de Performance, impacta positivamente o nível de desempenho global da organização, gerando excelência operacional por meio de um rigoroso e disciplinado processo de acompanhamento dos Indicadores e Resultados.

Na próxima semana publicaremos o sexto artigo: Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho

Augusto Gaspar
Diretor de Soluções Consultivas
Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter
Loading