Como ter sucesso em duas carreiras

Dividir-se entre duas atividades exige muito mais tempo e dedicação, mas é totalmente possível

Por realização pessoal, profissional ou até para fugir do ócio, muitos profissionais apostam em duas carreiras. Músico e administrador de empresas, headhunter e jornalista, professor de tênis e dentista. Funciona mais ou menos assim: quando a maioria das pessoas se prepara para voltar para casa e descansar após um longo dia de trabalho, esses profissionais assumem o “segundo posto”; que pode até ser uma “profissão hobby”, mas que também deve ser conduzida com seriedade e comprometimento.

Dividir-se entre duas atividades exige muito mais tempo e dedicação do profissional, mas é totalmente possível e só depende de organização e planejamento. Ajudamos você nesse caminho, confira nossas dicas:

1 – Tenha uma agenda organizada: esse é um dos pontos de atenção, pois uma profissão não pode interferir na outra, mesmo que sejam próximas e até tenham relação. Por exemplo, quando o profissional é dono de uma academia e também professor de judô. Apesar de o ambiente de trabalho ser o mesmo, há o momento de dedicação exclusiva aos alunos e o momento de colocar as contas em dia, pagar os funcionários, negociar prazos, investir em novos equipamentos, enfim, fazer a administração geral do negócio. Assim, é importante controlar seu tempo de acordo com as necessidades de cada atividade, para não impactar na qualidade do trabalho.

2 – Estabeleça planos de carreira: defina objetivos claros para cada uma das profissões. Em algum momento, será possível até utilizar habilidades de uma para alavancar a outra. Aspectos como liderança, poder de persuasão, facilidade para administrar as contas, lidar com pessoas ou desenvolver textos, além de outros conhecimentos mais específicos poderão ser transferidos de uma profissão para outra e, como você vai estar envolvido da mesma forma com ambas, fará essa relação automaticamente.

3 – Responsabilidade e comprometimento: sem esses dois pré-requisitos básicos não há carreira que decole. No caso de duas então, não há negociação. O envolvimento e a responsabilidade com ambas deve ser o mesmo. Se marcou uma reunião às oito da manhã, cumpra esse compromisso mesmo que tenha saído de seu segundo trabalho às onze da noite. Por isso, sempre avalie a agenda para que a tarefa de uma profissão não interfira na outra e, melhor, não prejudique você; vá contra seus limites (o que nos leva ao quarto item).

4 – Mantenha o equilíbrio: mais importante que qualquer outro fator, sua qualidade de vida deve estar em primeiro lugar. Portanto, se perceber que não há mais tempo para descanso aos finais de semana ou que virar noites em claro para dar conta de tarefas que ficaram pendentes já virou rotina, fique atento e coloque o pé no freio. A palavra de ordem deve ser equilíbrio. Mesmo que uma das carreiras seja seu hobby, dê um tempo dele e busque novas atividades prazerosas, momentos para relaxar, curtir a família e os amigos, ler, viajar e dormir.
Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter
Loading