e-Saúde: as vantagens de treinamentos online

Confira os benefícios do uso de e-Learning para a capacitação de profissionais da área da saúde

A indústria da saúde evolui muito rapidamente e os colaboradores dessa área precisam se manter atualizados. Mas como participar de todos os treinamentos se os horários desses profissionais são tão malucos e as agendas, no geral, abarrotadas de compromissos? 

A resposta é simples: por e-Learning. Os treinamentos online têm se mostrado excelentes instrumentos de capacitação para profissionais do setor de saúde. Quer saber como? Selecionamos três benefícios dessa modalidade de aprendizado especificamente para o setor. Confira!

Acessibilidade: o e-Learning possibilita que o aprendizado aconteça em qualquer lugar e horário. É possível ter aulas após as consultas da tarde ou após um plantão matutino, no escritório, no metrô, no parque, no refeitório. Basta que os profissionais tenham internet e um smartphone ou qualquer outro dispositivo (laptop, computador, tablet) e pronto! É possível ter aula no momento mais conveniente.

Economia: os custos dos treinamentos tradicionais são muito altos – é preciso contratar um instrutor, um espaço para as aulas, materiais de apoio, além de arcar com despesas com transporte, hospedagem e alimentação dos participantes. Sem mencionar a “falta de produtividade” por conta das pausas nas atividades em dias de treinamento. Uma empresa pode economizar uma quantia razoável ao adotar o e-Learning. Além disso, os treinamentos online proporcionam o arquivamento dos dados, ou seja, a informação não se perde com o tempo e ainda pode ser atualizada e aprimorada de acordo com a necessidade. Portanto, os profissionais podem consultar os dados sempre que preciso.

Flexibilidade: algumas pessoas aprendem mais facilmente pela leitura, outras precisam visualizar detalhes em imagens, já outras são mais “auditivas”. Pelo fato de o e-Learning ser bastante democrático, ele atende a todas essas demandas. Seu sistema inclui vídeos, áudios, textos, enfim, diferenciadas formas de apresentação de um conteúdo. Além disso, um dia de treinamento pode ser algo bastante cansativo após um plantão de doze horas. Por isso, para esses profissionais que lidam com vidas, muita pressão e pouco tempo, a possibilidade de “quebrar” o aprendizado em blocos é essencial. Dessa forma, eles têm mais prazer e vontade de aprender; o que também é de grande importância para a indústria da saúde, já que seus colaboradores precisam estar certos de que estão absorvendo as informações para, assim, melhorar a qualidade de vida das pessoas.

Referência: Portal e-Learning Industry

Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter
Loading