O modelo 70:20:10 e o mobile learning

Aprendizado e da alta performance: tendências na área de treinamento corporativo

Certamente você já ouviu algo sobre o conceito denominado 70:20:10, que permeia o mundo do aprendizado corporativo há muitos anos, o qual em síntese presume que:

  • 70% do aprendizado provém de experiências próprias, ou seja, realizando as atividades;
  • 20% do aprendizado provém de interações com colegas, especialistas e superiores, ou seja, através do aprendizado social;
  • 10% do aprendizado provém de realizações de cursos, sejam eles online ou presencias.

E por que estamos abordando esse tema? Vemos no mercado, muitas empresas interessadas apenas em prover cursos e capacitação a seus colaboradores. Mais do que prover treinamento, é necessário ter uma estratégia de treinamento, um plano corporativo alinhado com os objetivos organizacionais e saber claramente o que esperamos de aumento no resultado e performance após capacitar nossos funcionários.

Nesse aspecto, poucos fornecedores estão preparados para suportar a criação e o acompanhamento dos resultados por meio do treinamento corporativo. Aliás, contam-se nos dedos as empresas com essa capacidade e que possua soluções tecnológicas próprias para executá-la.

As áreas de RH e Treinamento Corporativo devem encarar o aprendizado como um meio e não um fim e, mais do que nunca, para cada empresa, público e setor, deverá ser traçado um Plano de Capacitação customizado, adaptado aos valores e cultura organizacionais, sendo ele um facilitador do processo contínuo de aprendizado e não apenas requisito obrigatório de estudo.

Outro aspecto a ser levado em consideração é o aprendizado por dispositivos móveis (Mobile Learning). Atualmente, mais de 22% da população mundial possui smartphones e, até 2016, estima-se que 94% dos adultos terão um telefone móvel (sendo 51% smartphones). Entre os atuais usuários, 49% utilizam seus smartphones para navegar pela internet e executar atividades do dia a dia.

Uma estratégia de sucesso que implementa o Mobile Learning nas organizações, pode permear por todas as camadas do modelo 70:20:10, pois:

  • Aumenta a flexibilidade de acesso a conteúdos;
  • Aumenta a produtividade no trabalho através de interações on the job;
  • Atinge o maior número de colaboradores ao mesmo tempo;
  • Promove a troca de experiências e melhores práticas em tempo real;
  • Engaja os colaboradores no aprendizado.

Neste mês de setembro, lançaremos o MicroPower Performa Mobile e já lançamos o MicroPower OpenMind (Web e Mobile). Consulte-nos sobre essas e outras novidades. Acesse: www.micropower.com.br

Juntos no Aprendizado e Promovendo a Alta Performance!

Michel Musulin, diretor de operações e qualidade da MicroPower

Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter
Loading