Mobile learning customizado

Complementares aos treinamentos formais, as pílulas de conhecimento disponibilizadas por meio de smartphones, tablets e outros dispositivos móveis favorecem o aprendizado contínuo

Você já ouviu falar da expressão “curva do esquecimento”? Se nunca ouviu, certamente já se surpreendeu ao perceber que se esqueceu de algo que acabou de aprender. Voilà! Mas você não está sozinho nessa. Todos nós esquecemos metade do que aprendemos logo na primeira hora após a instrução. Tal descoberta foi feita pelo psicólogo alemão Hermann Ebbinghaus, no século 19. 

Para driblar essa questão, Hal Pashler, psicólogo da Universidade da Califórnia, sugeriu a proposta de “estudo parcelado”, ou seja, dividir o conteúdo em pequenas partes, dando intervalos entre as sessões de estudo. Dessa forma, aciona-se o cérebro quando ele está pronto para reter novas informações.

Assim como a estratégia de Pashler, é possível investir em outras ações para fazer com que os colaboradores não só acompanhem o conteúdo, mas de fato aprendam e retenham as informações importantes. 

Investir em soluções customizadas de mobile learning é uma, se não a mais importante das iniciativas. Características desse modelo, as pílulas de aprendizado permitem que o colaborador controle o tempo de aprendizagem de acordo com sua disponibilidade. Dessa forma, elas facilitam o envolvimento do colaborador com o material de tal maneira, que o profissional passa a encontrar em suas tarefas diárias oportunidades para aplicar o novo conhecimento adquirido.

As pílulas são bem mais simples de serem administradas. Elas podem ser entregues em formatos interessantes, como podcasts e videocasts, e disponibilizadas aos alunos respeitando o fluxo de trabalho. Fizemos um post dedicado a elas, clique aqui para conferir.

Complementares aos treinamentos formais, as pílulas de conhecimento disponibilizadas por smartphones, tablets e outros dispositivos proporcionam aprendizado contínuo e apresentam uma lista de grandes vantagens. Entre elas:

  • Flexibilidade para os colaboradores – flexibilidade de acesso e formatos (vídeos, podcasts e outros conteúdos online e off-line);
  • Aumento da conclusão de cursos/conteúdos e maior retenção – as pílulas de aprendizado facilitam com que os colaboradores iniciem e completem os cursos e retenham as informações;
  • Maior envolvimento – esse tipo de experiência (m-Learning) é mais imersivo;
  • Aprendizado colaborativo – excelente forma de engajar e envolver os colaboradores para que compartilhem experiências de aprendizado e até para serem parte de comunidades de prática;
  • Acesso por diversos dispositivos – tanto para empresa quanto para colaboradores, ter conteúdos em dispositivos variados (PCs, laptops, tablets e smartphones) facilita o acesso à informação e aumenta a probabilidade de uso e recuperação nas atividades práticas do trabalho.

Se sua empresa busca alta performance e novos recursos para a capacitação do time de colaboradores, acesse o site da MicroPower e confira nossas soluções. De plataformas para integrar gestão de performance e o desenvolvimento de talentos a soluções de Gamification e, claro, nosso mais novo produto: o aplicativo MicroPower Performa Mobile, que facilita o acesso de forma ágil e prática aos treinamentos, avaliações, testes e biblioteca de arquivos disponibilizados por sua organização no MicroPower Performa.

Referência: Portal e-Learning Industry

Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Pingbacks and trackbacks (1)+

Loading